Reality Of Books: Resenha: A Fofa do Terceiro Andar - Cléo Busatto

Resenha: A Fofa do Terceiro Andar - Cléo Busatto

Sinopse: Primeiro juvenil da escritora Cleo Busatto, autora de mais de 20 livros, a maioria infantis. A fofa do terceiro andar é a história de Ana, uma menina acima do peso, mas cheia de opinião, que se muda para uma escola nova, começa a sofrer bullying dos colegas e acaba desenvolvendo uma depressão. Quando o ano recomeça, ela muda de turma e conhece um menino que não se importa com o peso dela e eles começam a namorar. A família dele é meio hippie e ele ensina a ela que, mesmo fora dos padrões ela é bonita.









A Fofa do Terceiro Andar é narrado em primeira pessoa por Cleo, uma adolescente que aos 14 anos se encontra acima do peso, sendo então alvo de bullying dos colegas da escola e do prédio onde mora. Logo Cleo se sente cada vez mais desanimada, tendo baixa auto estima e sintomas de depressão. Ao notar-se nessa situação, resolve começar uma dieta em um novo ano que se inicia e também passa a fazer amizade com um novo garoto que a ajuda cada vez mais.

Esse era o tipo de livro que chamou minha atenção assim que foi lançado. Gostei muito de ver que a autora resolveu focar um pouco sobre como a depressão pode acontecer em jovens e o que causa. Temos uma personagem muito forte e criativa, que logo quer superar seu estado de melancolia e se esforça o máximo para tal.

O que mais gostei durante a leitura foi a diversidade dos assuntos abordados, assuntos como astrologia, budismo e vegetarianismo, ou seja, é um livro recheado de boas energias. Nenhum assunto é discutido com muita profundidade até porque é um livro bem fino e juvenil mas conseguimos ter uma ideia clara da importância para a história e o desenvolvimento da protagonista.

O livro começa quando Cleo tem apenas 14 anos mas se passa em vários anos da vida dela. No final do enredo, a protagonista já esta 17. Foi legal poder ver o decorrer dos anos de Cleo e como sua vida melhorou após certas mudanças necessárias ao mesmo tempo em que senti falta de mais detalhes dos anos que se passaram na vida da protagonista, porém, o enredo está bem escrito por focar em acontecimentos importantes para a história, então não é como se não conseguíssemos nos conectar, pois isso eu consegui muito bem.

Apesar de Cleo ter se mostrado uma pessoa super cabeça aberta e madura, não gostei muito do fato de ela estranhar certos gostos alheios, um exemplo é que fica evidente que a garota é mais caseira então em certos momento da leitura é como se ela desprezasse quem gosta de sair á noite e eu imagino que o objetivo da autora era mostrar que todos temos gostos diferentes e nenhum é melhor ou pior que o outro. Esse é só um detalhezinho que me incomodou pois apareceu mais de uma vez e meio que foi contra o objetivo da leitura, afinal, é um livro para crianças/jovens e devemos ensiná-las a respeitar todos os gostos.

É um livro super rapidinho, acabei lendo em um dia durante uma Maratona Literária e juro que não queria ter lido tão rápido mas não conseguia largar a leitura de tão gostosa e produtiva, pois é recheado de acontecimentos e fatos do crescimento de Cleo que se torna mais querida a cada página. Não posso esquecer de relatar meu ponto principal do livro: amor próprio. A autora fez questão de deixar claro o quanto o amor próprio foi importante na vida da protagonista, o quanto ele é importante para todos nós e sem ele, não somos nada.

Foi uma daquelas leituras muito agradáveis que nos passa esperança e nos faz suspirar após fechar as páginas. Espero poder ler outras obras da autora caso haja. Um singelo e marcante.

22 comentários:

  1. Oi!
    Eu já ouvi falar desse livro mas acho que vi uma resenha negativa, desde então eu havia desistido de ler. Com certeza agora vou adicioná-lo outra vez na minha lista de futuras leituras, gosto de romances mais leves e adolescentes, e mesmo que trate temas sérios demais, sempre tem uma leveza por detrás disso.
    Beijo.
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Li esse livro na época do lançamento e o adorei, tanto pela narrativa da autora, que é muito agradável e nos sensibiliza, quanto pelo assunto abordado. A protagonista também é daquelas que ganham a nossa simpatia de cara e por isso gostei muito de poder acompanhá-la durante a adolescência. Um excelente livro, com certeza.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Catharina
    Adoro livros leves e com uma boa história. Nada como personagens com um amor próprio,rende ótimos protagonistas. Adorei a dica e pretendo ler um dia.

    Blog Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  4. Bah, eu fiquei com muita vontade de ler esse livro - mesmo! Entendo que você possa ter se incomodado com a crítica da autora a essas saídas à noite e tal, mas acho que compreendo o porquê ela escreveu isso, já que também sou uma pessoa super caseira. Mas claro que nem vou afirmar nada porque ainda não li o livro, hahaha

    ;*

    ResponderExcluir
  5. Oi não conhecia esse livro, mas achei bem interessante, gosto muito de livros que narram um bom período da vida do personagem, não apenas semanas ou meses. Me chamou atenção o foco do livro ser o amor próprio. Dica anotada. Bjs

    www.livrosemretalhos.com.br

    ResponderExcluir
  6. Achei legal autora abordar assuntos sérios na vida da protagonista.
    Acompanhei o lançamento e de cara notei que o livro era especial.
    Eu também sou bem caseira, e acho que entendo o motivo da autora ter abordado isso no livro, acredito que pode sim incomodar algumas pessoas, porém a leitura sendo agradavel é o que vale.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  7. Oi!

    Gostei muito da sinopse. O fato da autora abordar vários aspectos ligados ao bullying e a depressão me deixou curiosa. Além disso por ser um livro curto e divertido, e o fato dela está acima do peso remete a minha adolescência. Enfim, obrigada pela dica. Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi! Não conhecia o livro, nem a autora, mas gostei da premissa da história e de saber que foi uma leitura bem prazerosa para você. Parece ser uma bem leve e fluída.
    Realmente o amor-próprio é tudo, e trabalhar esse tema de depressão é muito importante, principalmente na idade dos jovens que estão na fase sentimental e repleta de descobertas do próprio corpo e do mundo à sua volta.
    Obrigada pela indicação!

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Gosto de livros infanto-juvenil onde acompanhamos o crescimento dos personagens. E essas abordagens de vários assuntos, não deixa o livro cair na mesmice, Gostei. Fico contente que tenha gostado da obra :)
    Abs
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  10. Ainda não tinha ouvido falar do livro, mas fiquei super curiosa, adoro muito as temáticas adolescentes, e ainda mais escrito na primeira pessoa! Vou adicionar à minha lista de leituras!

    ResponderExcluir
  11. Oiii linda tudo bem?
    Esse livro realmente parece ser uma fofura, adoraria ter a oportunidade de realizar a leitura do mesmo, sua resenha ficou fofa e quero tê-lo na minha estante, dica anotada.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem? Nossa adoro livros juvenis que nos traz alguns ensinamentos por trás. De fato, depressão e bullying são assuntos que infelizmente para o lado negativo, estão muito em alta. Com certeza uma leitura dessa que abra a mente fará toda a diferença. A capa é uma fofura só, adorei e achei que combina com o que talvez a história queira passar. Super dica anotada!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi
    Td bem
    Gostei do enrendo do livro, parece ser uma leitura gostosa, sem muita coisa assim, mas que trata um tema bem interessante, pois há tantas crianças sofrendo bullyng na escola, pretendo ler o livro sim, aaaahhh e ela se refugia e viaja da melhor forma possivel, os livros hehehe.
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Oi Catharina, já tinha visto o livro, mas não fiquei interessada no enredo. No entanto, acho legal e importante a mensagem de amor próprio que o enredo passa.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  15. Eu fiquei sabendo do livro na época do lançamento, mas acabei não me interessando pela história, por não ser o público alvo, mas achei importante o tema abordado e necessário para a idade alvo do livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Olá, a leitura pelos seus comentários parece ser bem gostosa e a autora aborda vários temas bem bacanas *-* Vou deixar a dica anotada para ler entre outros livros mais pesados.

    ResponderExcluir
  17. Olá, amei a premissa do livro, com certeza é um ótima história que pode ser lida por todos os adolescentes, não apenas por tratar dessa questão da aparência, mas por abordar as dificuldades de ser adolescente em um mundo tão complexo. Adorei a dica, vou gostar muito de ler se tiver oportunidade. Bjs

    ResponderExcluir
  18. Oiee
    Ainda não conhecia esse livro e só de ler a sinopse já me interessei.
    Infelizmente, esse tema está cada vez mais sendo debatido devido o grande número de casos reais... q bom q a autora sobe trabalhar bem e conquistar na leitura.
    Dica anotada!
    Bjo

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Nossa esse livro me ganhou já no título, muito fofo. Para ser sincera ainda não conhecia, mas amei, Parece ser o tipo de leitura que chamamos de deliciosa, e o tema é algo que achei muito importante.
    Parabéns, Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bem?
    Nossa eu era louca por esse livro, mas não lembrava do nome haha
    Muito obrigada!!!!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  21. Olá,
    Cléo parece ser uma menina muito guerreira que mesmo passando por esse início de depressão, tenta ao máximo não se deixar vencer.
    Adorei saber que o livro aborda vários temas bem interessantes e, ao meu ver, que pouco são abordados como o budismo e o vegetarianismo. O que me deixa meio chateada é o fato de eles não serem tão aprofundados. Mas como você disse é compreensível pela obra ser pequena e juvenil, sendo estes dosados para tal.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  22. Eu soube desse livro na época que lançou e fiquei super animada para adquiri-lo e me aventurar nessa história. Acabei não comprando e até agora nada.
    No momento preciso terminar minha meta de ler todos os livros do Pedro Bandeira, mas tenho certeza que ainda irei ler.
    Beijos

    ResponderExcluir

© REALITY OF BOOKS - 2012. Todos os direitos reservados.
Por: SHAIRA FOTO E DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo