Reality Of Books: Resenha: Delicia Delicia - Donna Kauffman

Resenha: Delicia Delicia - Donna Kauffman

Sinopse: Quando a extraordinária confeiteira Leilani Trusdale trocou a agitação de Nova York pela pacata e doce Ilha de Sugarberry, não esperava que seu passado a seguisse. Seu antigo chefe, Baxter Dunne, também conhecido como Chef Hot Cakes, o homem que ensinou a ela que o creme compensa, reaparece desejando filmar seu famoso programa de culinária. O problema é que ele escolheu filmar na Cakes by The Cup, a minúscula e aconchegante confeitaria de Leilani. Com seu olhar de brigadeiro de colher e aquele irresistível sotaque britânico -- que faz a moça babar e seu rosto corar como calda de cereja --, ele fez as fofocas de cozinha rolarem soltas. Lani, lá no fundo, só deseja que algumas sejam deliciosamente verdadeiras... Os amigos estão convencidos de que o ex-chefe é o ingrediente que falta para a definitiva receita de felicidade dela. Porém, Baxter terá que botar a mão na massa se quiser tirar do forno um grande, verdadeiro, quentinho e saboroso amor. No Clube do Cupcake, cozinhar é apenas um detalhe. Entre altos papos e doces lambidas, amizades crescem como pão quentinho e a vida vai ficando, hummmm, mais saborosa. Mas quando é preciso decidir entre a vida que você sempre sonhou e o amor da sua vida, só as melhores amigas, as melhores receitas e uma caixa cheia de Red Velvets podem ajudar. É hora de praticar boloterapia!
*Livro cedido em parceria com a Editora Valentina para divulgação.

Lani é uma pâtissiére que está com seus 31 anos e já foi uma grande chef executiva de um grande Gateau em NY mas agora se encontra em uma pequena ilha, bem diferente de Nova York já que aqui toso sabem da vida de todos e Lani era acostumada com toda a agitação e vida corrida. Mas essa vida tranquila está fazendo bem a Lani, até porque ela está cuidando de seu pai que sofreu um ataque cardíaco.

Eu não posso contar muito mais do livro porque infelizmente acabei abandonando a leitura, porém, a história envolve um certo romance e amor platônico que Lani nutre por Baxter, se não me engano, seu chefe.

A leitura me atraiu muito pela capa e pelo enredo, eu sempre gostei muito de uma leitura mais romântica e fofa de vez em quando mas quando comecei a ler Delicia Delicia, vi que a narrativa não estava me prendendo nem a personagem, mas o enredo estava bem atraente então tentei até um certo ponto.

O que posso dizer sobre o que li, é que a autora tem uma narrativa leve mas nem sempre, narrativas leves me agradam, ainda mais em terceira pessoa. Eu sou uma pessoa muito chata com narrativa em terceira pessoa, quase sempre o livro demora mais á me prender e foi o que aconteceu aqui, mas tenho certeza que em um outro momento, provavelmente a leitura iria me agradar mais.

É um livro que recomendo para quem adoro um romance leve, fofo e sexy, daqueles que te fazem querer fazer um chocolate quente para acompanhar.

22 comentários:

  1. "romance leve, fofo e sexy, daqueles que te fazem querer fazer um chocolate quente para acompanhar". Adoro tudo isso! Haha Nesses ultimos tempos só estou lendo coisas assim, pois me faz esquecer um pouco a rotina cansativa da vida universitária, amei sua resenha! E que capa linda é essa? Essa editora arrasa!

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente eu também não curto muito livros em terceira pessoa, mas já que esse contém uma leitura leve junto com um romance haha, vou anotar na wishlist.

    Beijos

    http://blog-myselfhere.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii Cath, como vai?
    Menina eu fiquei apaixonada pela resenha e pelo livro, raramente tenho oportunidade de ler obras assim, e essa dica está sendo muito bem vinda nesse momento, preciso de romancezinho.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    A Valentina tem investido em livros muito bons. Ainda não tive a oportunidade de ler este, mas desde que ganhei o marcador, estou louca querendo ler. Principalmente, por ter essa capa alegre e deliciosa hahaha. É uma pena que o livro não tenha conseguido te prender, mas quem sabe no futuro você não retorne a leitura, né?

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Catharina, pena que o livro não te prendeu ao ponto de terminar a leitura. As vezes o livro vai ganhando força quando chega perto do final. Gostei muito de seu texto leve.
    André, do Garotos Perdidos

    ResponderExcluir
  6. Oi, eu gostei da premissa do livro e saber que ele é um "romance leve, fofo e sexy, daqueles que te fazem querer fazer um chocolate quente para acompanhar", já faz eu querer ler e saber como se desenrola a historia, pois estou precisando ler um livro desses, gostoso e leve e acho que se você der uma segunda chance, você vai gostar. Eu curti muito e vou anotar a dica.
    bjus

    ResponderExcluir
  7. Que pena que VC abandonou.
    Ficaria mais fácil opinar se tivesse sua opinião sobre o desfecho.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá, Catharina! Tudo bem?

    Eu gosto de livros em terceira pessoa, às vezes, até prefiro, pois permite uma imparcialidade ao leitor. Permite que a gente tire nossas próprias conclusões, sem ser obrigado a compartilhar o ponto de vista dos personagens. Maaaaaaaaaaaaaaas, também abandonei o livro. E não foi por ser em terceira pessoa, foi porque a história não foi capaz de me prender. Comprei pela capa, porque achei linda, mas no momento que iniciei não senti aquele 'tcham', sabe?

    Quem sabe num outro momento.

    beijo

    ResponderExcluir
  9. É uma pena que não tenha te prendido a leitura, mas ainda assim adorei a premissa e a sinopse do livro, parece muito fofo! Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  10. Oi, Catharina
    Narrativas em terceira pessoa nao costumam ser problemas para mim. Achei que esse livro deve ser mesmo muito fofo e fiquei curiosa. Gostaria muito de ler.

    ResponderExcluir
  11. Olha, Cath, o livro também demorou pra me conquistar pelo mesmo motivo. E pelo fato de a personagem ser muito indecisa, MAS no final eu acabei adorando a história. Se eu fosse você daria mais uma chance...

    ResponderExcluir
  12. Sempre é uma sensação ruim abandonar livros não é mesmo ? mas as vezes é preciso, o livro parece ser bem o meu gênero, já o vejo nas telinhas como um romance leve e engraçado, mas tb tenho alguns problemas com narrativas em terceira pessoa, porém talvez dê uma chance para o livro

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu achei muito interessante esse livro, principalmente por ter isso de chefs que eu acho muito legal. Que pena que o livro não funcionou para você e teve que abandonar a leitura, às vezes realmente não funciona para a gente.
    Beijos.

    https://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Acho a capa desse livro linda, mas a premissa em si me parece bem chatinha.
    Uma pena que você tenha abandonado a leitura. Espero que dê mais uma chance futuramente.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. bem, eu não teria problemas com a narrativa, e sim com a premissa mesmo,pois é o tipo de leitura que nunca me empolgo em fazer, por isso prefiro evitar... uma pena que a fórmula não funcionou com você... mas como vc falou, pra quem curte romance fofo acredito que vai gostar desse livro...
    bjs...

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bem?

    Ainda bem que as pessoas são diferentes, porque narrativas em terceira pessoa são o que há de melhor na literatura. Deixa mais rico, mais profundo, mais enfeitado, menos raso, menos infantil. Principalmente em romances, onde os autores atuais acham que precisam ser rasos para criar personagens.

    Mesmo você não tendo gostado já estou correndo para comprar meu exemplar, por que? Simples: é em terceira pessoa, é leve, é sobre culinária e principalmente, tem ingleses inteligentes.

    bjsss

    ResponderExcluir
  17. Oiii!! Nossa que pena que a história não te prendeu.
    Infelizmente essas coisas acontecem, pode ser que em outra oportunidade você consiga concluir a leitura. Gostei da sua sinceridade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Olha, eu não consegui me sentir seduzida pela premissa da obra. Parece-me fraca. De qualquer forma, é uma questão de preferências. Que pena que você não se sentiu presa pela narrativa. Adorei a sua resenha, achei muito sincera.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  19. Olá, que pena que o livro não te prendeu, já vi vários elogios a esse livro e inclusive tem resenha feita dele lá no blog, não fui eu quem li, mas tenho vontade de lê-lo qualquer dia desses que minha lista de leitura não esteja tão imensa D:

    Tomara que você também dê outra chance...

    Beijos
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  20. Oi Cathi, vi o lançamento desse livro, mas a história não é tão chamativa a ponto de ler esse livro, a capa é até muito fofa. Quem sabe apareça uma boa oportunidade para ler. Bjs

    ResponderExcluir
  21. Oie Catharina!
    Amei a sua resenha!
    Eu to muito curiosa para ler esse livro, parece ser realmente muito lindo e divertido. Adoro esses romances leves e descontraídos.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  22. Olá,
    O livro não é ruim, é só comum. Um romance de uma pâtisserie com seu mentor e esse, tcharans, é o grande conflito.

    http://euinsisto.com.br

    ResponderExcluir

© REALITY OF BOOKS - 2012. Todos os direitos reservados.
Por: SHAIRA FOTO E DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo