Reality Of Books: Resenha: O Menino que Colecionava Sonhos - Darlan Soares

Resenha: O Menino que Colecionava Sonhos - Darlan Soares




Sinopse:
O Menino que Colecionava Sonhos conta a história de Antony, um garoto de oito anos, pobre, que sofre com o alcoolismo da mãe, Sophia, e a humilhação dos colegas de escola. Amigos ele só tem um, Tommy, um garoto que assim como ele sonha em ser feliz. Antony não tem brinquedos e nem perspectivas, mas ele tem um ótimo coração e a pureza que só as crianças têm. A mãe um dia lhe disse que ele não deveria se preocupar em realizar seus sonhos e sim ajudar as outras pessoas a realizarem os seus. E por que não? Antony descobre que ajudar aos outros pode ser muito mais divertido que ele pensara, e descobre que ver as pessoas felizes é a melhor maneira de sentir-se feliz. Venha aprender como ser feliz fazendo os outros felizes. Aprenda com Antony lições de amor, companheirismo e dedicação. Um livro emocionante, capaz de mudar o mundo em que vivemos.


*Livro cedido pelo autor para resenha.


Antony é um garoto de 12 anos que mora com a mãe Sophia, alcoólatra que apesar de ser assim, faz seus esforços para pagar uma boa escola ao menino, eles mora juntos e tem condições muito pobre. Antony nunca foi feliz na escola onde estuda, pois sofre muito com os apelidos dos amigos, desprezo e maldade, afinal, por ser pobre e estudar numa escola particular, atrai mal olhares.

Quando sua mãe foi a livraria com o garoto, ela realizou o sonho de ter um livro somente dele, Antony ficou muito feliz e os dois conversaram sobre como é bom ver as pessoas felizes quando se tem um sonho realizado, foi aí que Antony criou seu caderno de sonhos, onde escreve os próprios e das pessoas ao seu redor.

"Talvez fosse por isso que tantas pessoas não conseguissem realizar seus sonhos. Por colocarem o importante sempre em segundo lugar e serem tão más umas com as outras. Sophia havia dito a ele que fazendo o bem aos outros as coisas boas também viriam para ele."

O protagonista nessa história é simplesmente tocante e inocente, tanto que até emociona em diversos trechos da história onde vemos o quanto ele é feliz ou tenta ser apesar da vida complicada, dos colegas maldosos, da mãe alcoólatra e da condição financeira.

Antony é o tipo de pessoa que todos deveríamos ser ou pelo ter uma parte dele dentro de nós. O autor ensina muitas lições através desse personagem tão pequeno e sonhador.
Tommy, melhor amigo do menino também é um exemplo de criança, de vida e personagem, muuuuito fofo e leal, que em diversos momentos da vontade de abraça-lo e levar para minha casa, aliás, os dois meninos.

A narrativa do autor me conquistou desde o primeiro capítulo, sempre prefiro livros narrados em primeira pessoa, mas esse ficou ótimo em terceira, combinou com a história, as situações e tudo mais. Os capítulos são bem curtinhos, então torna a leitura rápida e simples, nada cansativo. E apesar de retratar temas fortes, fica longe de ser uma leitura pesada por se passar no ponto de vista do garoto tão calmo e inocente, apenas nos faz refletir sobre a vida e nós mesmos, aprender a dar valor o que temos e em diversos momento ficar com os olhos marejados por causa dos personagens e de algumas consequências.

"Talvez fosse mais fácil pra ele aceitar as decepções dos outros que as suas próprias. De uma forma ou de outra, estava aprendendo como funcionava a vida."

Enfim, é uma leitura muito emocionante que nos trás muitas lições. Mais um livro daqueles que deveriam ser leituras obrigatórias para todos, afinal, situações como a de Antony existem e muito, é preciso discutir sobre isso e por fim, sempre tentar ajudar.
Adorei, muito obrigada ao autor pelo exemplar e espero ler muitas obras dele ainda.

4 comentários:

  1. Oie, eu gostei muto de sua resenha, acho que vou por esse livro em minha lista...
    Eu comecei a fazer resenhas no meu ultimo post, e adorei!!
    Se você quiser me da umas dicas vou deixar o link do meu blog: http://mergulhado-em-historias.blogspot.com/
    e-mail: calebe_edj@hotmal.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Catharina!
    Já tinha lido uma outra resenha sobre esse livro e ficado interessada. Acho encantador ver temas difíceis assim através do olhar de protagonistas inocentes...

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Vim te visitar!
    Gostei da resenha e do tema,esse assim como outros livros deveriam ser discutidos em sala de aula! Extraordinário é um dos livros que passa um mensagem tão importante
    Esse vai entrar para a lista!
    Beijos

    http://entree-virgulas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Catharina! Tudo bom?
    Não tinha conhecimento desse livro. Só em ler a sinopse e a sua resenha parece ser extremamente emocionante. A vida de Antony não deve ser nada fácil, aliás, a dele e a da mãe, mas ainda assim ela ensina algo tão bonito ao filho, que é se importar com o outro, com os sonhos dos outros. Amei mesmo!
    Beijos,
    http://sonhos-em-paginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

© REALITY OF BOOKS - 2012. Todos os direitos reservados.
Por: SHAIRA FOTO E DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo