Reality Of Books: Resenha: Delírio - Lauren Oliver

Resenha: Delírio - Lauren Oliver


Sinopse:
Muito tempo atrás, não se sabia que o amor é a pior de todas as doenças. Uma vez instalado na corrente sanguínea, não há como contê-lo. Agora a realidade é outra. A ciência já é capaz de erradicá-lo, e o governo obriga que todos os cidadãos sejam curados ao completar dezoito anos. Lena Haloway está entre os jovens que esperam ansiosamente esse dia. Viver sem a doença é viver sem dor: sem arrebatamento, sem euforia, com tranquilidade e segurança. Depois de curada, ela será encaminhada pelo governo para uma faculdade e um marido lhe será designado. Ela nunca mais precisará se preocupar com o passado que assombra sua família. Lena tem plena confiança de que as imposições das autoridades, como a intervenção cirúrgica, o toque de recolher e as patrulhas-surpresa pela cidade, existem para proteger as pessoas. Faltando apenas algumas semanas para o tratamento, porém, o impensado acontece: Lena se apaixona. Os sintomas são bastante conhecidos, não há como se enganar — mas, depois de experimentá-los, ela ainda escolheria a cura?

O livro é narrado em primeira pessoa por Lena Haloway, uma jovem que está próxima de completar seus tão esperado 18 anos, e assim, se tornar uma "curada". Pois em seu mundo, o amor é uma doença, se você se apaixona por alguém, está infectado. Como explica na sinopse, depois de curada, um marido será escolhido e ela terá uma vida leve e tranquila. E Lena está contando os dias para tudo isso acontecer, mas um imprevisto acontece, ela se apaixona, e tudo dentro de si muda, e ela repensa sua escolha de ser ou não curada.

"É o mais mortal entre todos os males: você pode morrer de amor ou da falta dele."

Delírio era o tipo de livro que apesar de me atrair pela capa, não tinha muita vontade de ler, até que resolvi ver do que se tratava e a história me deixou bem curiosa, então depois de um tempo, tomei coragem para comprar e ler. Assim que comecei, gostei bastante, a narrativa me prendeu, a história me envolveu e os personagens foram super bem construídos.

Lena é o tipo de personagem que gosto bastante de acompanhar durante a leitura, pois ela não é toda "certinha" e "chatinha", mas também não é a "mais rebelde", é apenas uma garota comum, que claro, se apaixona, tipico.
Apesar de previsível, a autora soube narrar tudo de uma forma leve e gostosa, nos fazendo querer mais e mais e não enjoar da história. 

Lena também nos apresenta o que a "doença" já causou com pessoas ao seu redor, com seus familiares e principalmente com sua mãe, que terá um grande envolvimento na história toda e que causou um ar ainda mais interessante na história de Lena e um "drama-suspense" bem legal e necessário.

"... mas é claro que é assim que as coisas são: tudo termina, as pessoas seguem em frente e não olham para trás. É como as coisas devem ser."

Ainda não li a continuação, mas estou bem curiosa e ao mesmo tempo com um certo medo, pois muitas vezes o primeiro livro de uma trilogia ou saga, é ótimo, mas depois a autora consegue estragar tudo e eu espero do fundo do meu coração que isso não aconteça, apesar de já ter ouvido algumas críticas negativas, ainda tenho esperanças e pretendo ler em breve.

E sobre a diagramação, não preciso nem dizer como a capa está linda, amo essa capa, é uma das mais bonitas da minha estante e ás vezes paro pra ficar olhando-a e admirando. A fonte da letra está muito boa e o resto da edição está ótima, sem problemas.

"Amor: uma única palavra, algo delicado, uma palavra que não é mais larga ou longa que uma lâmina. É o que ela é: uma lâmina, uma navalha. Ela corre pelo centro de sua vida, cortando tudo em duas partes. Antes e depois. O restante do mundo cai em ambos os lados."

Sobre a ideia da autora de criar toda essa ficção e esse mundo estranho, achei extremamente interessante, amei a ideia desde o inicio e ela soube usar essa ideia, tudo é muito bem escrito, explicado, ela não deixa passar nada. 
Então, é isso. Espero que quem não leu, leia em breve, vale muito a pena, recomendo de verdade e espero gostar do resto dos livros.
Quem leu, diga nos comentários o que achou ;)

2 comentários:

  1. Oie...Primeiramente, vc escreve muito bem, Eu gostei muito da sua resenha e acho que vou botar esse livro na minha lista!!☺☻!!
    http://mergulhado--emhistorias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Eu queria ter lido esse livro esse ano, porém não consegui comprá-lo, e não teria tempo... mas ainda vou lê-lo, ainda mais depois da sua resenha! haha.
    Beijos,
    Renata.
    viciadas-em-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

© REALITY OF BOOKS - 2012. Todos os direitos reservados.
Por: SHAIRA FOTO E DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo