Reality Of Books: Resenha: A Ideia - Lucas Chagas

Resenha: A Ideia - Lucas Chagas




Sinopse:
Um homem, no limite do sofrimento, decide compartilhar sua jornada e escreve a mais sincera declaração de amor. Dessa forma, ele leva até você, leitor, a trajetória vívida de uma paixão que, sem imaginar, mudaria sua forma de ver a vida. Beatrice Dumont, 23 anos, estava habituada à mesmice da sua vida, mas percebe, durante uma noite de forte chuva, que aproveitava pouco sua juventude. E tudo parece piorar quando ela se apaixona por Benjamim. Porém, ela nem imagina o que a espera... Sem achar uma luz no fim do túnel, sente a necessidade de dar um passo em direção à mudança de vida. Mas o que ela parecia ter esquecido é que a felicidade, muitas vezes, pode trazer consigo perdas irreparáveis, principalmente quando os laços afetivos com as pessoas que amamos são muito fortes. A Ideia não é uma história de um amor perfeito, no qual o universo conspira a favor. É uma história de luta pelo amor, quando tudo parece estar contra. Fala da vida em sua brevidade, sem deixar de lado os instantes que fazem dela algo eterno.
*Livro cedido pelo autor para resenha. 

Beatrice é uma garota bem reflexiva, na verdade, extremamente reflexiva. Acho que foi a personagem mais pensativa que já vi. Ela levava uma vida normal, frequentando a faculdade e morando com sua Tia. Até que conhece Ben, e então passa a gostar dele, e percebe que não é correspondida. Mas isso pode vir a mudar...

É um livro bem interessante, porém, típico.
Divertido para passar o tempo, quando não tem muita coisa para fazer.
Gostei bastante da capa, achei muito bonita e bem feita, gostei mesmo. A diagramação está bem legal também, poucos erros.


"Nem sempre temos o que desejamos no momento exato em que queremos. Isso é triste. Mas, se existir a oportunidade de tê-lo numa outra hora, precisamos estar preparados e espertos para o ver e conquistar."

A obra ficou legal porque conseguimos perceber que o autor colocou bastante de si, os sentimentos da personagem, eram os mesmos que o dele e por isso conseguimos tirar muitos trechos filosóficos do livro, desde a primeira até a última página. Gostei imensamente de alguns trechos assim, mas outros, achei desnecessário.

Eu esperava muito desse livro, a capa me atraiu demais, assim como a sinopse, e ouvi bastante elogios e críticas, firmei a parcerias com o autor e fiquei feliz de ter recebido o livro, ele foi super gentil e enviou rapidamente. Teria lido mais rápido, mas como já disse, agora trabalho, então estou lendo muito pouco mesmo.

"O que a vida nos esconde? Como devemos nos sentir se não conseguimos o que queremos? Não é fácil. É triste. Simples de entender, como um passo apressado e inútil que termina no vazio da desestima."

Enfim, o livro não me prendeu, não foi o que esperava, achei uma coisa legal e interessante, mas nada mais, o final é super surpreendente e emocionante, fiquei bem surpresa e gostei disso no livro também.
Os personagens não foram tão bem construídos, achei que o autor podia se dedicar um pouco mais, a narrativa apesar de boa, não me deixou tão satisfeita.

Enquanto lia o livro, tive a impressão de que Bia tinha 14 anos, no máximo, 16. Não sei bem porque, acho que talvez pela vida que ela leva, pelo jeito de pensar e agir, enfim, pela história dela. Infelizmente o livro não me agradou em todos os aspectos, deixou a desejar.

O que gostei no livro foi algumas referências de bandas, músicas e etc, gostei muito, já disse muitas vezes que adoro livros que trazem referencias, e esse foi um deles. O livro também nos faz pensar bastante sobre o futuro, amigos, a vida, rotina e tudo mais. Gostei disso.
Mas fiquei muito feliz de ter fechado a parceria com o autor e espero ler muitos livros dele ainda. Parabéns pelo livro, Lucas. Obrigada pela parceria.

"A vida é curta. Ás vezes parece tão difícil, quase impossível, e não há ninguém por perto para dizer "Vá em frente! Você está no caminho certo!".

8 comentários:

  1. Oi Cath tudo bem, já tinha visto esse livro algumas vezes, mas ainda não me interessei pela história, pela sua resenha percebi que ele tem um história bem legal, mas não entendi por que não era que esperava, fiquei curiosa! ;)
    bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  2. Oi Cathy :)
    Amei a resenha , não conhecia o livro mas me interessou bastante . Sem contar que a capa é muito linda e pela resenha a história flui bem rápido :3 Adoro esses finais emocionantes ! E as quotes são muito boas , fiquei curioso , vou comprar esse livro \õ/ haah
    Sua resenha estão melhorando cada vez mais , parabéns *--*
    Beeijos !
    Um Grande Vício Literário *-*

    ResponderExcluir
  3. Gostei da sua resenha. Achei bem interessante a premissa do livro e, pelo fato de ele ser brasileiro, acho que leria.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de Maio

    ResponderExcluir
  4. Gostei demais da sua resenha, as vezes sinto falta de sinceridade em algumas resenhas. E a sua para mim foi sincera do inicio ao fim está de parabéns!

    Gostei do livro e ainda não conhecia nem o autor nem o livro, mas confesso que fiquei curiosa para saber um pouco mais sobre.

    Adorei seu blog
    Beijinhos da Leeh
    Se quiser conhecer meu blog é http://maetoescrevendo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. O livro parece ser bem interessante! E mesmo você tendo gostado bem pouco dele, me pareceu ser uma boa história. Também adoro livros que fazem referência a músicas ou a bandas! E a filmes e outros livros também!
    Parabéns pela parceria! Espero que você goste mais dos próximos livros do autor.

    Beijo:*

    http://justonemomentt.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Gostei da resenha, não conhecia o livro, mas me interessou bastante, provavelmente vai entrar na minha lista de proximos livros para ler.

    Se quiser conhecer o meu blog(é novinho) http://recantoliterarioeversos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu não conhecia o livro, nem o autor, mas a história me parece ser bem interessante, apesar de você não ter gostado tanto assim. Tô pensando em adicioná-lo a minha lista de leitura, talvez eu goste do livro.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá Catharina, também tive a mesma impressão sobre a Beatrice, suas tomadas de decisões eram muito infantis. O livro não me prendeu também, mas como coloquei na minha resenha, o livro será bom para o leitor que estiver na mesma vibe que a personagem. A escrita é muito boa e inteligente, mas faltou o mesmo estado de espírito. Gostei da resenha, abraços.

    Visitem: Amantes por Livros e Filmes

    Visitem:

    ResponderExcluir

© REALITY OF BOOKS - 2012. Todos os direitos reservados.
Por: SHAIRA FOTO E DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo